top of page
Post: Blog2 Post

Agricultura Familiar: Jovens de Vitória de Santo Antão representarão o SERTA em Brasília

Atualizado: 24 de abr.

Dois jovens de Vitória de Santo Antão foram escolhidos para representar o SERTA em um evento de agricultura em Brasília.

Os tecnólogos em agroecologia formados pelo Serta Ramilly Mayara e Diogo Alves, viajarão para Brasília neste sábado, 22/04, para participar do 4º Festival Nacional da Juventude Rural que acontecerá entre os dias 24 e 27 de abril de 2023. O objetivo do evento é discutir a importância da juventude rural para a agricultura familiar e para a segurança alimentar do país.

Segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD/IBGE) de 2020, existem 6,7 milhões de jovens entre 16 e 32 anos no meio rural brasileiro. A juventude agricultora familiar é fundamental para garantir uma alimentação saudável hoje e no futuro, uma vez que sem sucessão rural, não haverá produção de mais de 70% dos alimentos que consumimos diariamente.

No entanto, a falta de políticas públicas, principalmente as de educação e de acesso à internet no campo, contribuem para que jovens desistam de viver no meio rural. Segundo dados da PNAD/IBGE, desde 2018, mais de 800 mil jovens migraram do campo para a cidade.

O 4º Festival Nacional da Juventude Rural, que acontecerá no pavilhão do Parque da Cidade, em Brasília, tem como objetivo discutir o desmonte das políticas públicas da juventude, da agricultura familiar, do meio ambiente e dos direitos humanos, bem como evidenciar a diversidade cultural no país e trocar experiências e conhecimentos. A programação contará com momentos de debate político, apresentações culturais, mostra da produção da juventude rural, oficinas formativas e uma caminhada pela Esplanada dos Ministérios.


Com o tema “Semeando Resistência e Cultivando um Mundo Novo”, a secretária de Jovens da CONTAG destacou a importância da maior participação política da juventude, assim como a preservação e recuperação do meio ambiente, o incentivo à agroecologia, a educação do campo, a geração de trabalho e renda, o respeito às diversidades, fortalecimento da comunicação popular, o acesso a tecnologias de informação e comunicação no campo e pela reconstrução das políticas públicas para o fortalecimento da agricultura familiar e sucessão rural.


O Festival é uma grande ação protagonizada pela juventude rural com caráter de formação, debate, pressão política, mobilização, apresentação de expressões culturais e da produção agrícola dos jovens, bem como de troca de experiências.


A coordenação é da Confederação Nacional dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares (CONTAG), em especial da Secretaria de Jovens, em articulação com a Comissão Nacional de Jovens Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (CNJTTR), com as Comissões Estaduais, Diretorias das 27 Federações filiados e com os Sindicatos dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais. O evento já realizou três edições nos anos de 2007, 2010 e 2015.


Fonte: Assessoria de comunicação da CONTAG - Verônica Tozzi

11 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page