top of page
Post: Blog2 Post

Presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, aciona polícia legislativa contra Felipe Neto após declaração em sessão na casa



O ambiente político brasileiro novamente se agita com uma nova controvérsia, desta vez envolvendo o influenciador digital Felipe Neto e o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira. A polêmica teve início durante o simpósio "Regulação de plataformas digitais e a urgência de uma agenda", promovido pela própria Câmara dos Deputados, na última terça-feira (23).


Durante sua participação virtual no evento, Felipe Neto fez um comentário ácido em relação a Arthur Lira, referindo-se a ele como "excrementíssimo". A declaração não passou despercebida pelo presidente da Casa, que imediatamente acionou o Departamento de Polícia Legislativa.


Em um ofício direcionado à Polícia Legislativa, Arthur Lira ressaltou que as expressões utilizadas por Felipe Neto podem configurar crimes contra a honra e, portanto, exigem providências legais. Segundo Lira, as palavras proferidas pelo influenciador foram injuriosas e inaceitáveis, principalmente por terem ocorrido nas dependências da Câmara dos Deputados.


Em resposta às acusações, Felipe Neto afirmou que sua intenção ao utilizar o termo "excrementíssimo" era puramente satírica e não tinha a intenção de ofender a honra de Arthur Lira. Ele destacou que sua fala foi uma crítica humorada e que não se confunde com um ataque direto à figura do presidente da Câmara.


Entretanto, Arthur Lira não se convenceu da explicação de Felipe Neto, rotulando-o como "mal-educado" e acusando-o de usar o seminário como uma plataforma para ganhar mídia e likes, através de práticas como difamação e injúria. O presidente da Câmara argumentou que o ambiente público deve ser utilizado para o bom debate, e não para ataques pessoais.


Diante do embate, surge o debate sobre os limites da liberdade de expressão. Enquanto Felipe Neto defende sua postura como uma manifestação legítima e humorística, Arthur Lira ressalta a importância da civilidade e do respeito no ambiente político e digital.


É importante ressaltar que esta não é a primeira vez que o influenciador se vê envolvido em polêmicas políticas. Ele já enfrentou tentativas de silenciamento por parte de outras figuras do cenário político, mas afirma que continuará resistindo enquanto tiver forças para tal.


Neste contexto, a controvérsia entre Felipe Neto e Arthur Lira coloca em pauta não apenas a liberdade de expressão, mas também a responsabilidade no uso das palavras em um ambiente político cada vez mais polarizado.


3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page